O team building é considerado um conceito inovador, que pode ser traduzido como a construção de equipes, do inglês. É o conjunto de técnicas para o treinamento dos colaboradores, que serve tanto para a formação de equipes, quanto para o desenvolvimento de talentos individuais.

 

O capital humano é de extrema importância para o sucesso de qualquer empresa, independente do segmento de atuação. Muitas vezes a motivação pode ser alcançada com vinil adesivo para parede contendo incentivos ou até o oferecimento de promoções, embora as estratégias não alcancem resultados duradouros.

 

O crescimento dos empreendimentos está diretamente ligado ao desenvolvimento das pessoas e das equipes, e por isso saber como aplicar o team building é cada vez mais importante.

 

Apesar de significar a construção de times, o termo não se refere ao simples agrupamento dos profissionais. Trata-se de algo mais complexo e amplo, que envolve o desenvolvimento de uma espécie de espírito de equipe.

O que é team building?

 

Para entender o que é o team building, antes é necessário compreender as diferenças que podem ser notadas entre grupos, equipes e equipes de alta performance.

 

Os grupos representam coletivos humanos, ou conjuntos de pessoas. Já as equipes, por outro lado, são grupos que têm um objetivo comum, e trabalham com habilidades complementares, valorizando a confiança entre os membros.

 

As equipes de alta performance, por sua vez, são caracterizadas pela paixão, pelo trabalho, que faz com que os membros da equipe encarem objetivos desafiadores, com harmonia nas ações.

 

Sendo assim, o objetivo do team building é justamente formar equipes com esse potencial de desempenho elevado, que têm capacidade para conduzir os negócios em um caminho de sucessos.

 

De uma maneira geral, é uma forma de se preocupar com a construção e estreitamento da relação com os funcionários, e isso vai muito além do uso de capacho com logo da empresa, por exemplo.

 

A medida é mais efetiva do que outras ações de fortalecimento da marca, porque valoriza o treinamento dos funcionários e o aprofundamento das relações humanas. Isso é feito com a aplicação de atividades práticas em grupo, que muitas vezes são lúdicas e interativas, fortalecendo os laços entre os membros das equipes.

 

As atividades ajudam os participantes a desenvolverem relações mais reais e próximas.

Desta forma, todos encontram meio de se crescer profissionalmente e desenvolver um espírito de equipe, colaborando para ótimos resultados.

Benefícios de aplicar o team building

 

O team building pode impactar positivamente o desempenho e o sucesso dos negócios, com programas construídos de acordo com a necessidade de cada empresa.

 

Ao escolher o programa mais adequado, além de criar um vínculo entre os membros da equipe, é possível conquistar os seguintes benefícios:

  • Alcançar as metas da empresa;
  • Esclarecer papéis e responsabilidades;
  • Executar as tarefas de maneira mais eficiente;
  • Melhorar processos, com mais proatividade;
  • Melhorar o accountability da empresa.

Alcançar as metas da empresa

É comum que os funcionários foquem em suas metas pessoais nas empresas, o que resulta em comportamentos individualistas, quebras de compromissos e até a falta de confiança e frustração, quando eles não conseguem atingir suas metas sozinhos.

 

O team building ajuda a criar um espírito mais colaborativo em uma montadora de stands SP, por exemplo. Isso acontece porque os colaboradores tendem a alinhar metas e esforços a partir das dinâmicas.

 

Assim, visualizam o quadro geral da empresa, ao invés de focar unicamente em metas pessoais. Desta forma, os objetivos da empresa podem ser atendidos com mais eficiência e em menos tempo.

Esclarecer papéis e responsabilidades

Um sinal comum de que o team building é necessário na empresa, é quando falta clareza com relação às responsabilidades de cada indivíduo nos ambientes laborais.

 

Mudanças na dinâmica das equipes (como quando alguém é promovido ou demitido) acarretam em novas responsabilidades para os diferentes profissionais.

 

Nos casos em que há mal entendidos ou ambiguidades na operação de porta moldes para injeção plástica, por exemplo, o team building possibilita maior clareza sobre metas, papéis e planos de execução.

 

Isso é possível com conversas sinceras, que podem ser conduzidas pelos líderes das equipes, ou outros facilitadores.

Executar as tarefas de maneira mais eficiente

Nas empresas em que os prazos e resultados são desafiadores, como em uma fábrica de moldes, por exemplo, problemas como a concorrência, tempo apertado e falta de comunicação podem  atrapalhar os serviços.

 

Desentendimentos entre os membros das equipes podem afetar o foco, atrapalhar a produtividade e retardar o sucesso do empreendimento.

 

O team building aparece como uma solução, contudo, para que os funcionários aprendam a cooperar, solucionando problemas em conjunto, planejando contingências e executando as tarefas com mais eficiência.

Melhorar processos, com mais proatividade

De tempos em tempos, pode acontecer de os profissionais ficarem estagnados, aparentemente presos a processos rotineiros. Essa postura pode resultar em períodos de pouco progresso, com poucas melhorias e inovações.

 

O treinamento coloca à disposição das equipes uma série de ferramentas úteis para a melhoria contínua, em busca de resultados. Com o team building, as empresas conseguem diagnosticar, analisar e corrigir processos, com mais proatividade entre os colaboradores.

Melhorar o accountability da empresa

O accountability é um termo que está relacionado à responsabilidade com a ética e a transparência, com prestação de contas a superiores ou empregados. Também está diretamente ligado ao compromisso de fazer o que foi combinado.

 

O treinamento de team building faz com que os colaboradores compreendam que cada escolha tem uma consequência, que por sua vez pode afetar toda a equipe.

 

Assim, trata-se de uma oportunidade de explorar o conceito de accountability, facilitando uma comunicação mais aberta, com uma linguagem comum para diagnosticar o desempenho na execução de tarefas.

3 atividades de team building

De uma maneira geral, o team building não é um processo ou treinamento fixo. Para implementar as atividades, é necessário avaliar o nível de entrosamento da equipe, inicialmente. A motivação no trabalho, a eficiência nos serviços e outros aspectos também devem ser estudados.

 

É importante estabelecer um propósito, que demande o compromisso e o envolvimento de todos, gerando motivação para o empenho diário. As atividades podem ser realizadas fora do ambiente da empresa, com um ar mais inovador e descontraído.

 

Atividades ao ar livre podem ser bastante positivas, porque demandam comunhão e compromisso. O ideal é apostar na comunicação entre as pessoas, com elementos lúdicos em tarefas diárias e mais tradicionais.

 

Para o sucesso das atividades, no entanto, é fundamental a presença de um líder de alta performance. Ele deve estar comprometido e motivado, para conseguir emplacar as atividades de team building e efetivar o crescimento de todos.

1. Ação quebra gelo: duas verdades e uma mentira

Dependendo do tamanho da equipe, essa ação pode durar até 30 minutos e ajuda os membros das equipes a se conhecerem melhor.

 

Cada colaborador deve escrever em uma folha de papel, sem que outros vejam, duas verdades sobre a sua vida e uma mentira, apontando a alternativa que é falsa. Um voluntário irá ler as frases, e o grupo deverá descobrir qual é a falsa.

 

A dinâmica permite que as pessoas se conheçam melhor, ao mesmo tempo em que também podem descobrir o que os outros funcionários pensam sobre eles.

2. Ação de integração com o ambiente de trabalho pela adivinhação

A atividade é feita com os colaboradores reunidos com um líder ou facilitador, que tenha preparado uma lista com perguntas sobre o ambiente de trabalho. A funcionalidade do portão de garagem de correr na entrada da empresa ou quantidade de cadeiras em determinada sala são alguns exemplos de questões.

 

A atividade irá fazer com que os funcionários tentem descobrir, em grupo, as respostas para cada pergunta. Mas, na maioria das vezes os colaboradores não conseguem chegar a um consenso.

 

O objetivo é fazer com que eles percebam que conhecem pouco sobre o próprio ambiente de trabalho, mesmo passando muitas horas nas empresas diariamente.

3. Escape room: melhora no raciocínio

Escape room, ou apenas “sala de fuga”, é uma modalidade de jogo em que os participantes devem encontrar uma forma de sair de um local misterioso, como uma sala, utilizando os objetos que encontrar, como uma mola azul, por exemplo.

 

É comum que os participantes ouçam uma história, explicando como foram parar em determinada situação, com acesso a pistas e dicas.

 

Enigmas como jogos de raciocínio podem ser usados para abrir portas ou gavetas, e facilitar o acesso a itens que podem auxiliar na resolução do problema, mesmo que não pareçam fazer sentido a uma primeira vista.

 

Ao final pode se ter uma recompensa, como um troféu de prisma de acrílico, resultando em colaboradores mais motivados, pró ativos e integrados, com maiores chances de sucesso na busca pelos objetivos pessoais e empresariais, por meio de uma sintonia crescente.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.